domingo, 26 de julho de 2009

Soy Metodista, carregada de saudade !

Vasculhando fotos e vídeos do meu computador vi quanta coisa boa eu já vivi...
Sabe, meu último ano de colégio mais do que inesquecível..
Mas eu não esperava que meu primeiro ano de Metodista fosse tão maravilhoso e intenso.
Pô meu, quanta gente especial reunida num lugar só...
As medíocres perdem espaço, desaparecem num piscar de olhos atentos

Deus enviou todas elas num enorme pacote ...
Algumas vieram de São Paulo, Curitiba, São Bernardo...
Umas descobri assim, antes mesmo das aulas e foi amor a primeira vista...
Outras, no dia do trote... (que trote, aliás)
No decorrer dos dias fui descobrindo a especialidade, o formato de cada um
Com o passar do tempo e com as badaladas do relogio, algumas se foram
(...)
Dani, Jéssika, Luana, Bruna.. quanta falta, meu Deus do céu !
A Dani é a que mora mais longe.... e uma das que mais me faz falta
A Jé me chama de ingrata pelo sumiço, mas o amor continua o mesmo (:
Elas acompanharam e conhecem muita coisa da minha vida.

Meu primeiro ano de Metodista realmente vai ficar vivo na memória.

Dia 3 começa nosso 4º semestra, galera metodista.
Vamos com toda fora e garra...
Daqui dois anos, será nosso último semestre...

Saudades de vocês.





quarta-feira, 22 de julho de 2009

Três meses !

Hoje era seu aniversário, né?
Há um ano chegava na tua casa e me deparava com o inicio do fim.
Mal sabia eu que um ano depois não teria voce ao meu lado e choraria sua ausencia

Esses tres meses foram duros, sabe?
Muita coisa aconteceu... tudo mudou muito
Seus telefonemas cessaram..
Não ouvi mais voce me chamando
Não vi mais seus olhos orgulhosos a me fitarem, decorando minha geografia

Um trimestre..a trsiteza tá secando e as lembranças cada dia mais tomam espaço
Tô com saudade...
Estranho chegar essa data e estar em outro lugar... sem ser sua casa
O dia 22 chegou e eu nao tinha pra quem ligar..

Triste ver minha mãe derramar lagrimas... e eu ter que engolir o choro e me retirar...

Há 3 meses exatos voce me deixou..
Há 75 anos voce nascia

Vô, eu te amo, mais do que o senhor pode imaginar
Vou honrar teu sobrenome pelo restos dos meus dias
Vo fazer valer cada palavra de orgulho e cada frase de pura atenção
Se pinginho vai ganhar o mundo
Nesse um ano que o senhro ficou doente, o senhor conheceu o verdadeiro Deus e hoje mora com Ele..isso me orgulha e me acalma

um trimestre de ausencia e saudade

sábado, 18 de julho de 2009

Maratona !

Muito tempo sem colocar nada aqui.
A falta de tempo e as férias agitadas causaram esse sumiço.

Muita coisa aconteceu nesses dias em que me afastei.

O congresso da Abraji realmente me fez muito bem, atendeu todas as minhas expectativas. Cada palestrante, um melhor que o outro..gente que sabe o que é fazer jornalismo.
Diversas palestras (até de economia em pleno sabado), conhecimento, contatos e lógico, minhas historias e momentos únicos e inacreditáveis. Foram três dias em que me esqueci totalmente da fase complicada que vinha enfrentando, das perdas e desiluões.
Me deu um novo fôlego para a profissão, novas visões, muitas ideias na cabeça agora.
Foi muito bom respirar novos ares, ares da vila olímpia (:
A companhia e hospedagem da minha grande amiga Nicole me fez bem .

Ao voltar ao mundo mais simplório, me deparo com uma das pessoas que mais amo na vida, sofrendo. Isso causou uma dor no meu coração, ver a melhor amiga triste realmente não faz bem, queria tirar a dor dela, porque a minha alma gêmea não merece isso. Por isso, eu vou escrever alguma coisa sobre isso logo abaixo para ver se consigo acalentá-la e tentar escrever o que tentei dizer por frases incompletas e gestos nessa uma semana de pura convivência.

A dor do encanto

Por isso escrevo, não só por você, mas por mim, sei muito bem o que se passa e o que você sente.
O coração tem caminhos que a gente, por mais racional que sejamos, não conseguimos entender. Achamos que somos grandes, talentosos, promissores, fortes.. mas basta alguém chegar com um sorriso incerto e milgestos de cautela na mochila que esse irracional coração balança.
Daí a razão lá de cima, da sua cabeça, fala mais alto e você pensa: "não vou me envolver, isso vai passar. não é nada disso que você tá pensand. ele não sente nada."
O tempo passa.. e os pensamentos são frequentes, a vida se entrelaça...
E...
Quando você vê...
Você se dá conta que está envolvida até o pescoço e tanto escudo de nada adiantou.
Nesse exato momento, quando você abaixa suas armas e deixa seu país ser invadido...
Você se surpreende.
Os atos de carinho desaparecem, o cuidado e zelo simplesmente se dissolvem no ar, a vontade imensa que o outro tinha em te ver cai pelo chão e dá lugar a desculpas cada vez mais esfarrapadas...
A relação entre seres humanos é surpreendente.
Nunca sabemos ao certo como vamos terminar .. se vamos sofrer, chorar... ou sorrir.
Só sei de uma coisa... sempre se dê valor.
Independente de como você está: não rasteje!
Não importa que por dentro você está sangrando, seja você, feliz .
Eu sei que é complicado não ir atrás, confesso que não consigo, mas o fato de tentar já basta.
Lágrimas, quase nenhum merece., mas é inevitável não chorar quando se fala de sentimento intenso. Não é a primeira e nem será a última vez.
Quero que entenda seu valor, sua preciosidade, sua beleza, suas qualidades. Atitudes de alguém que surgiu há semanas na sua vida não dizem e nem provam nada sobre você. Só passam de confusões, de momentos errados ou de escolhas erradas palntadas no passado que refletem no hoje.
Ao final de tudo isso só posso dizer que te amo, te amo, te amo e te amo.









quarta-feira, 8 de julho de 2009

As memórias já amareladas, mas vivas

Férias é realmente muito bom.
Mas traz saudades dos velhos tempos
Dos velhos amigos...

Ah, como eu sinto falta das brincadeiras de criança, das brigas infantis e fúteis

Não que eu queria voltar a ser criança, eu nunca deixei de ser

Mas rever os velhos amigos, aqueles que marcaram grande parte da minha adolescencia,
Que cuidei, que ajudei, que xinguei...

Eu sinto muita falta...

Sei que os tenho aqui comigo, vivos na minha memoria, nas minhas orações, no meu coração.

Quando precisar..eu sei que é só gritá-los

Queria ser menos ausente na vida deles.. mesmo !

Deixemos de coisa e cuidemos da vida.

congresso logo amanhã.
observações sobre esse tres dias por aqui..

sábado, 4 de julho de 2009

Mais um devaneio posto em palavras

Muito feliz por ver que aquelas pessoas que mais amo estão dando m rumo certo pra suas vidas. Em partes, isso acalma meus sentimentos mais aflorados, minhas decepções e decisões forçadas ou não.

Realmente é bom ver que as pessoas se encontram, são felizes...

Mas tem um outro lado dessa historia que ninguém sabe...
Talvez eu seja possessiva, como já ouvi
Sabe quando bate um medo de voce perder a pessoa? de perder tudo aquilo que voces tem juntos .. toda a vida, toda a amizade..

Sempre escutei: "ah, mas quando se começa a namorar é assim mesmo .. as pessoas mudam."

Tenho medo do que pode acontecer daqui por diante
Tudo é tão recente pra mim e pra você, mas é que sei lá
Nunca tive esse medo antes, mas agora.. é como qe in controlavel

Como otima amiga torço muito pela sua felicidade e quero que voce realmente seja feliz, até porque se isso não dar certo, nossos planos de sair com os filhos, maridos daqui uns anos não irão se concretizar.

Talvez minha recuperação esteja tão recente que tenho medo de realmente ficar sem sua amizade, de permanecer sem as nossas conversas e viver os momentos que sempre marcaram minha vida como uma tatuagem .

Sei que isso é só mais uma historia que me prova a grande tpm desses dias ...